Profundidades

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Intersections” Alessandro Puccinelli

O que será das ondas
sem as marés
sem o sal e a água
sem os passos na areia úmida
sem o vento e as correntezas
sem as algas vivas
e a música dos tempos
sem os elementos
que a fazem movimentos
sem a alegria da arrebentação
e o pesar da pedra rompida
sem a leveza da mesma pedra
amanhecida e lavada
sem os tubos e as mágicas
que deslizam fortes e volumosas
desaguadas
sem os versos dos poetas
a velejar o divagar dos filósofos
nas sinuosas tempestades do barro
em mares mortos flutuantes
o que será que será que virá
de tão margeante
que os olhos não bebem seu perfume
que a vontade não possa romper
seus costumes
ora todo mar é infinito agora
toda hora é o bem dito
e não apavora
todo oceano é gota pausada
naquela música
enraizada
já pronunciada
mar afora
o que será das ondas
nas cautelas das profundidades.
– Iatamyra Rocha

Anúncios

2 comentários sobre “Profundidades”

Obrigada pela visita e palavras.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s