Poema proibido

tumblr_inline_mor9j6jEYu1qz4rgp

Eu tenho

muito repertório

não respira alto

aqui no oratório

sei das línguas

e dos voos….vooos…..voooos….

de toda a línguagem

que invade a vadiagem

sou apenas uma mulher

ser santa é amar

e ter meu corpo

para saciar

não sou puta

e minha pureza

é cristalina

no meu gozo

safadeza

dentro do coito

me permito

e isso é ser

o que sinto

ais…ás….ais…ás…ais…

sou fêmea

e alfa

já gastei

mais de sete vidas

mas tenho fôlego

de vida

e isso me alimenta

e tenta…tenta…tenta….

na rouquidão

dos gemidos

que eu nunca

escutei

só gemi…cantei…gozei…

implorei…….

mais…..mais….

quero esse verso

que me lambe

aquela palavra

doce….doce….doce….

teu gozo…..é doce….

reticências múltiplas

durante toda a ação

desse poema.

– Iatamyra Rocha

Anúncios

Obrigada pela visita e palavras.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s