Epitáfio

Sinto o meu céu

Cheio de contrastes

Formas indefinidas

Das nuvens escorre mel

Adoçando partidas

No meu peito de mulher

Abro cicatrizes

Sagradas ao tempo

Acordadas em sofrimento

Caminhando em mim

Levo comigo o amor

E a paz que me abraçou

De uma vida singela

Tão apaixonante e bela

Pintadas na sorte

A vida na aquarela.

[Iatamyra]

Anúncios

Um comentário sobre “Epitáfio”

Obrigada pela visita e palavras.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s